Novo formato de crediário pelo cartão de crédito

23/04/2019 - Economia

Os Bancos vão oferecer uma nova forma de crediário via parcelas no cartão de crédito. A opção pode ser contratada no momento da compra com taxa de juros de 0,99% a 3,99% ao mês e prazo de 36 meses.  Deve-se ressaltar que no parcelamento tradicional quando o cliente deixa de pagar o total da fatura mensal e opta por dividir o valor , os juros chegam a 9% ao mês.
 
O crédito oferecido no mercado a consumidores e empresários vem crescendo e o saldo total em fevereiro deste ano aumentou 0,3% em relação a janeiro (BACEN). Já o acumulado de 12 meses registrou um avanço de 5,5%. A expectativa é que o crescimento chegue a 7,2% até o fim de 2019.
 
Atualmente 55%, no Brasil, de todas as operações com cartão de crédito são na modalidade de parcelamento sem juros. Nos EUA, 70% do volume transacionado em cartão é financiado, já no Brasil, são 23%.
 
Para funcionar o novo sistema, o varejo precisaria adotar preços diferentes por forma de pagamento, o que passou a ser permitido por lei no fim de 2016. A expectativa é que o mercado leve até seis meses para se acostumar com a nova modalidade, que deve começar a ficar relevante a partir de 2020. 
 
Pontos positivos
  • Poder receber o dinheiro de 2 a 5 dias, como uma transação de débito, mesmo que o cliente pague a prazo, sem desconto de antecipação.  Atualmente, o lojista precisa aguardar no mínimo 30 dias para receber o valor integral nas compras à vista, ou esperar o vencimento das parcelas, no caso do parcelado sem juros. Caso o lojista queira receber os valores de forma antecipada, as administradoras de cartão aplicam uma taxa de desconto sobre o valor das compras.
  • Ampliar a competitividade do varejista, especialmente o pequeno, que geralmente não tem capital de giro para financiar as vendas.
  • Apresentar o parcelamento de forma mais transparente. O consumidor saberá exatamente quanto está pagando e poderá comparar com até três simulações, com números diferentes de parcelas.
  • O consumidor ganha mais uma opção de crédito para recorrer em casos emergenciais e o limite já estará pré-aprovado e os juros explícitos na tela da maquininha. 
  • Mais crédito no mercado significa mais dinheiro circulando no país e aquecimento da economia. 
Pontos negativos
  • O super e o mau endividamento das famílias já que não existe qualquer garantia de que o crediário no cartão de crédito fornecerá taxas menores que as de outros produtos oferecidos pelas instituições bancárias.
  • A facilidade desse crédito oferece risco àquelas pessoas que não têm o hábito de se planejarem financeiramente virem a gastar um pouco mais do que deveriam, levando a inadimplência.

Fonte: Infomoney e CDL/BH

Notícias Recentes

Projeto apadrinhar é destaque entre os assuntos desta sexta-feira
24/05/2019 -
Leia as principais notícias desta sexta-feira, 24 de maio.
CDL/BH apoia Projeto Apadrinhar
24/05/2019 - Atuação Social
O projeto aproxima as crianças que vivem em abrigos de famílias que, a princípio, não têm a intenção da adoção em tempo integral, mas querem dar afeto ou alguma ajuda material a elas.
Plano Diretor é destaque entre os assuntos desta quinta-feira
23/05/2019 -
Leia as principais notícias desta quinta-feira, 23 de maio.
Quadro de indefinição econômica faz confiança do consumidor recuar 4,3% em abril
23/05/2019 - Apoio ao Comércio
Levantamento mostra que 61% dos brasileiros avaliam economia de forma negativa e 26% estão otimistas com o futuro para os próximos seis meses. Custo de vida assola mais de metade das famílias brasileiras e 41% temem perder o emprego.

Seja um Associado »

Nossos Produtos

Compra de Mailing São listas personalizadas e segmentadas de acordo com perfil desejado para suas campanhas de marketing e outras finalidades
Score de Recuperação Saiba qual a probabilidade de seus clientes inadimplentes pagarem a dívida
Score Saiba qual a probabilidade do consumidor tornar-se inadimplente nos próximos 3 ou 12 meses.

... Carregando...