CDL/BH questiona por que a PBH não abriu os leitos prometidos

CDL na Mídia

A prefeitura afirmou que o processo de reabertura do comércio seria determinado por três fatores: a ocupação de leitos de UTI, a ocupação de leitos de enfermaria e o número de transmissão por infectado. De acordo com o boletim divulgado pela prefeitura nesta sexta-feira, 26 de junho, apenas o índice de ocupação de leitos de UTI está no vermelho. Os outros dois estão no nível amarelo.

No dia 29 de maio, a prefeitura anunciou que poderia criar imediatamente mais 509 leitos de UTI. Que poderia passar de 220 para 729 leitos de UTI exclusivos para a Covid. Disse mais: que poderia passar de 647 para 1.752 os leitos de enfermaria. Fica a pergunta: por que, em vez de novamente sacrificar o comércio, em vez de provocar mais uma quebradeira de empresas e a perda de milhares de empregos, a prefeitura não abre estes leitos?

Notícias Recentes

Análise do presidente da CDL/BH sobre o primeiro dia de funcionamento do comércio está entre os destaques do clipping de hoje
07/08/2020 - CDL na Mídia
Leia as principais notícias desta sexta-feira, 07 de agosto
CDL/BH luta para legalizar MP que permite emitir Certificação Digital por videoconferência
07/08/2020 - Apoio ao Comércio
MP autoriza a emissão ou revalidação de certificados digitais, no padrão da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileiras ? ICP Brasil, por meio de videoconferência.

Notícias mais Populares

Vistas
Recomendadas
Compartilhadas

Seja um Associado »

Nossos Produtos

Enriquecimento de Banco de Dados É um tratamento feito na sua base de dados para atualizar as informações e eliminar os registros incorretos ou duplicados.
Certificação Digital Possibilita comprovar a identidade de uma pessoa ou empresa, permitindo assinatura digital de documentos eletrônicos
Consultas Confirme os dados cadastrais e a análise de crédito de consumidores, empresas e grupos econômicos de todo o país

... Carregando...