Imprensa -

Aprovação, pela ALMG, do projeto que garante pagamento de benefícios do funcionalismo estadual é comemorada pelos setores de comércio e serviços

Sugestão de Pauta

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) comemora a aprovação, pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), do Projeto de Lei (PL) 1.205/19 enviado pelo governador Romeu Zema que permite a antecipação de recursos da exploração de nióbio dos próximos 12 anos.

O texto aprovado hoje, por unanimidade, autoriza a que a Codemig a antecipação dos recebíveis do nióbio, estimado em R$ 5 bilhões. A aprovação desse projeto garantirá o fim do parcelamento dos salários dos servidores públicos estaduais e o pagamento do 13º. salário de 2019. “A CDL/BH enviou ofício a todos os deputados solicitando a aprovação dessa proposta. Para os setores de comércio e serviços, para os mineiros e para todo o Estado, é muito importante que o funcionalismo receba os salários e o 13º. salário em dia”, explicou o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva. “Agradecemos o empenho dos deputados na aprovação desse projeto antes do fim do ano”, completa.

Em audiência com o governo de Minas, no último dia 25, representantes das Câmaras de Dirigentes Lojistas de todo o Estado se comprometeram a trabalhar em prol da aprovação do PL 1.205/19 que faz parte do programa “Todos por Minas”.