Imprensa -

CDL/BH e entidades do setor produtivo vão criar plano de ação para desenvolvimento da capital

Sugestão de Pauta

Ação será realizada por grupo de trabalho que envolve economia, planejamento urbano, inovação e tecnologia

Na última semana, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) e mais 12 unidades que compõem o Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável Estratégico de Belo Horizonte (Codese) reuniram-se em workshop para trabalhar temas essenciais para o futuro da cidade.

O evento, realizado nos dias 29 e 30 de junho no auditório da Universidade Fumec, contou com rodas de conversa e apresentações sobre os cinco eixos que compõem o escopo de trabalho do Conselho: Desenvolvimento Econômico, Desenvolvimento Social, Planejamento Urbano, Educação, Inovação e Tecnologia.

A CDL/BH, que coordena o Grupo de Trabalho de Desenvolvimento Econômico, foi representada pelo vice-presidente de Relações Institucionais, Marcos Innecco Correa. “O principal objetivo é fazer com que, nos próximos anos, Belo Horizonte seja reconhecida nacional e internacionalmente como uma cidade próspera em oportunidades de negócios, que valorize seus aspectos culturais e que desenvolva isso de forma sustentável, prezando pela qualidade de vida”, afirmou.

Ainda de acordo com Correa, a atuação do Codese junto ao poder público pode ajudar na criação de um bom ambiente de negócios para os empreendedores, desburocratizando e simplificando processos. “Nos próximos meses vamos formular um plano com ações estruturantes, cujo objetivo é colaborar para decisões estratégicas referentes ao desenvolvimento da capital mineira”.

Entidades assinaram termo que dará início ao plano de ação – Fotos: Alessandro Carvalho

Sobre o Codese-BH

Codese-BH é uma organização formada pela sociedade civil organizada, para colaborar com uma função pública de extrema importância: pensar o futuro da cidade e colaborar com os planos de desenvolvimento econômico, social e urbano. O Codese-BH pretende criar um espaço plural e diverso, focado em objetivos comuns, com uma agenda de convergência e propositiva em prol do futuro de Belo Horizonte, sem enfoque nas questões imediatas ou urgentes, e sem envolvimento com a agenda político-partidária.

O Núcleo de Ignição do projeto conta com apoio de importantes entidades como Sebrae, Fecomércio, Fiemg, ACMinas, Associação do Hipercentro, Sinduscon/MG, Aelo/MG, CMI/Secovi, CDL/BH, CAU/MG, Crea/MG, ASBEA, SME, SERT/MG e Setcemg/MG. Além do Núcleo de Ignição do Projeto, o Codese-BH conta com cerca de 60 entidades ativas nas atividades dos seus Grupos de Trabalho.

SEO MUNIZ
Link112