Imprensa -

Empresários mineiros se reúnem na CDL/BH para mobilização nacional contra a alta carga tributária

Sugestão de Pauta

Empresários da capital mineira, dos mais variados segmentos, se reuniram hoje na sede da CDL/BH, para debaterem estratégias de participação no Dia Livre de Impostos (DLI).

 

O evento, que está na sua 13ª edição, será realizado no dia 30 de maio, quinta-feira, em diversas regiões do País. Na data serão comercializados produtos e serviços com desconto referente ao valor dos impostos incidentes.

 

A carga tributária brasileira está entre as mais elevadas do mundo. Ela corresponde, em média, a 41,8% do rendimento bruto de cada cidadão. Por isso, a CDL/BH e a CDL Jovem realizam, há 13 anos o Dia Livre de Impostos como forma de conscientizar a população sobre esse expressivo índice.

 

A Drogaria Araujo garantiu a participação de 248 lojas em todo o estado de Minas Gerais com a comercialização de medicamentos, alimentos e produtos de beleza e infantis.

 

“Há alguns anos participamos junto com a CDL/BH dessa mobilização nacional. É muito importante mostrar ao cliente o valor da carga tributária de cada produto que ele consome”, disse o gerente de marketing da rede de farmácias, André Gifoni. “Além disso, oferecemos ao consumidor produtos de qualidade com menores preços e conseguimos aumentar as vendas”, completou.

 

Conscientização – Para o proprietário da Dog´s Shop, Matheus Ferraz, o propósito de conscientização do DLI faz toda a diferença na ação. “É na hora de efetuar o pagamento dos produtos sem o valor da carga tributária que o cliente vê o tanto que o brasileiro paga de imposto”, comenta. O empresário irá participar com cinco lojas comercializando mais de dois mil itens.

 

Com 19 lojas na capital mineira, a Centro Visão garantiu a participação de todas as unidades na 13ª. edição do DLI. “A maior dificuldade para o crescimento das empresas no Brasil é a carga tributária. Precisamos mudar essa realidade brasileira”, explica o diretor da rede de óticas, Fernando Cardoso.

 

Na opinião do presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva, a alta carga tributária não pode continuar sufocando o orçamento dos brasileiros e travando os negócios do pequeno, médio e grande empresário. “O atual sistema de cobrança de impostos do Brasil é totalmente incompatível com a política adotada pelos países que buscam o fomento do setor produtivo, a melhoria do bem-estar da população e a redução das desigualdades sociais”.

 

O dirigente ainda ressalta que não é uma questão de ser contra a cobrança de impostos. “Nossa luta é por um sistema tributário mais simples e menos oneroso, que vá ao encontro do desenvolvimento que todos queremos para o nosso País”.

Os empresários interessados em participar da ação manifestando seu protesto contra a elevada carga tributária podem acessar o site www.dialivredeimpostos.com.br ou entrar em contato pela CDL/BH pelo telefone (31) 3249-1636.