Imprensa -

Entidades do setor produtivo da capital se unem para ajudar vítimas das chuvas em MG

Sugestão de Pauta

Objetivo é ajudar na coleta, armazenagem e distribuição de donativos para os 374 municípios em estado de emergência

Quinze entidades do setor produtivo da capital se reuniram nesta quinta-feira, 13, com o Servas, Secretaria de Desenvolvimento Social e Defesa Civil Estadual, para prestarem apoio à campanha S.O.S Chuvas MG, realizada em parceria com o Governo Estadual, para socorrer as vítimas das fortes chuvas no estado.

As entidades vão somar forças para ajudar na arrecadação de donativos que serão direcionados às cidades e às pessoas afetadas em todo o estado. Além de ajudarem efetivamente nas doações, as entidades também vão apoiar a divulgação da campanha, mobilizar seus públicos para participação e também auxiliar na armazenagem e transporte dos donativos, além de oferecer postos para coleta.

“Não poderíamos deixar de estender as mãos e ajudar aos que tantos precisam neste momento. É a hora de nos unirmos e prestar solidariedade aos mais de 24 mil desalojados e quase quatro mil desabrigados em todo o estado. Infelizmente, apesar da trégua, ainda há previsão de mais chuva para Minas Gerais e 374 cidades estão em estado de emergência. Por isso, devemos concentrar nossos esforços e pensamentos positivos para que tudo possa ser resolvido da melhor forma possível”, destaca o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva.

“Esta é uma mobilização concreta de diversas entidades que estão empenhadas em ajudar a diminuir os impactos causados pelas chuvas. Percebemos um sentimento de solidariedade e fraternidade que envolve a mobilização dos recursos. Isso mostra que a sociedade é solidária, pois, o Estado e as prefeituras sozinhos não dão conta de resolver problemas dessa magnitude. Ter o apoio da sociedade organizada é fundamental para atravessarmos esse momento”, pontuou o vice-governador, Paulo Brant.

Atualmente, os itens de maior necessidade são: água mineral, alimentos não perecíveis, materiais de limpeza, produtos de higiene pessoal, roupas de cama, mesa e banho.

As doações podem ser realizadas em todos os batalhões, quartéis e bases comunitárias da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar e nas Delegacias da Polícia Civil de Minas Gerais. Em caso de doações em maior volume ou em caso de dúvidas, entre em contato pelo telefone 3349-2400 ou pelo e-mail servas@servas.org.br

Para aquisições diretas observar as seguintes orientações:

Doação Pessoa Jurídica

CFOP 5910 – Remessa em bonificação, doação ou brinde.

SERVIÇO SOCIAL AUTÔNOMO SSA – SERVAS

CNPJ: 17.385.840/0001-12

Inscrição Estadual: Isento

Inscrição Municipal: 0.405.587/001-8

Endereço de entrega: Avenida Amazonas, 6455 – Gameleira

Para doações em dinheiro:

Serviço Social Autônomo Servas – SSA SERVAS

Chave PIX: telefone celular – 31 99163-0836

Conta Vinculada: Caixa

Ag:1667

Cc: 3529-1

Participam da ação as seguintes entidades:

ABIH – Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – Minas Gerais

Abrasel – Associação Brasileira de Bares e Restaurantes

ACMinas – Associação Comercial e Empresarial de Minas Gerais

Amipão – Sindicato e Associação Mineira da Indústria de Panificação

Amis – Associação Mineira de Supermercados

CDL/BH – Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte

CMI /Secovi – Câmara do Mercado Imobiliário de Minas Gerais

FAEMG – Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais

Fecomércio – Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais

Federaminas – Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Minas Gerais

FCDL/MG – Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Minas Gerais

FETCEMG – Federação das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais

Minaspetro – Sindicato do Comércio Varejista de Derivados do Petróleo do Estado de Minas Gerais

OCEMG – Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais

Sebrae Minas – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais

Veja abaixo os pronunciamentos do presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva, e do vice-governador, Paulo Brant.