Em que posso ajudar?

WhatsApp
Notícias -

COMÉRCIO CELEBRA NOVA REDUÇÃO DA SELIC

Notícias gerais

Para CDL/BH, o recuo da taxa de juros terá impacto positivo no primeiro trimestre de 2024 e na confiança de consumidores e lojistas 

A nova redução da Selic foi celebrada pela principal força econômica da capital mineira, o setor de comércio e serviços. Para a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), o terceiro recuo consecutivo da taxa de juros, além de melhorar a confiança e expectativa de consumidores e empresários de forma imediata, poderá favorecer o desempenho das atividades comerciais em 2024, já que os efeitos reais dessa baixa começarão a surgir entre três e seis meses. 

“Comerciantes e consumidores entendem que a economia está avançando e isso os deixam mais confiantes para realizar compras e investimentos em médio e longo prazo. A tendência é que 2024 seja impactado de forma positiva ainda no primeiro trimestre. Em Belo Horizonte, em especial, vivenciamos um cenário de recuperação de crédito entre empresas e pessoas físicas. Com a redução da Selic, a expectativa é que mais débitos sejam quitados e o mercado se aqueça”, analisa o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva.

Publicações similares

Notícias gerais
16 de maio de 2024
DIA LIVRE DE IMPOSTOS JÁ TEM DATA MARCADA

Ação contra altas cargas tributárias será realizada no dia 6 de junho em todo o país. …

Notícias gerais
10 de maio de 2024
REDUÇÃO DA SELIC É COMEMORADA POR COMÉRCIO

Para CDL/BH, ainda que o recuo seja tímido, o impacto pode ser positivo e processo desinflacionário …

Notícias gerais
10 de maio de 2024
ESTAMOS DE OLHO: CONFIRA OS DESTAQUES DAS CASAS LEGISLATIVAS DE 06 A 10 DE MAIO

Novo feriado estadual; recriação do DPVAT; proibição aos supermercados de conferir compras de clientes; proibição estacionamento …

Notícias gerais
6 de maio de 2024
HOSPITAL SOFIA FELDMAN RECEBE DOAÇÕES ARRECADADAS PELO PROJETO AFETO, DA FUNDAÇÃO CDL-BH

Serão entregues  mais de 30 mil itens de enxoval e produtos de higiene pessoal que vão …