Notícias -

Como o Business Intelligence pode ajudar a sua empresa?

Apoio ao Comércio


Você sabe o que é um Business Intelligence?


Em um mundo com o mercado altamente competitivo, o trabalho de um Business Intelligence (B.I) pode ser a solução para o crescimento da empresa. O profissional de B.I fornece dados que podem abrir horizontes para os gestores. Informações precisas e atualizadas sobre o comportamento de clientes e concorrentes, para tomar as melhores decisões e não perder grandes oportunidades.


O Business Intelligence surge para auxiliar os gestores e empresas na elaboração de estratégias mais assertivas. E para tentar compreender essa nova geração que vive conectada à internet e aos smartphones, o Business intelligence reúne os dados da experiência dos usuários. Com o objetivo de melhorar os fluxos operacionais de produtos e serviços, por meio do processo de inteligência. Resumindo, o seu trabalho é coletar, organizar, analisar e posteriormente utilizar os dados extraídos de diversas ferramentas.


O Perfil do profissional de Business Intelligence


Essa área de Business Intelligence é apontada como uma das mais desafiadoras da tecnologia. Exigindo do profissional conhecimento do negócio, perspicácia analítica, pensamento criativo e interação social.


É importante que o analista de negócio se atente para as perguntas que terá que fazer, e os tipos de dados que irão responder a esses questionamentos. Porque é necessário ter em mente que não basta apenas ter conhecimento das ferramentas de B.I. Também é preciso entender a necessidade de cada departamento para construir relatórios que apontem oportunidades de negócios.


O campo de atuação desse profissional não está restrito apenas às grandes empresas e indústrias. Muito pelo contrário, o B.I também vem sendo procurado pelas pequenas e médias empresas como um meio de alavancar o seu negócio.


Como usar o Business Intelligence no Marketing?


Um dos diferenciais e vantagens do marketing digital em relação ao marketing tradicional é a possibilidade das suas ações serem mensuradas. Isso significa que você pode ter ferramentas que possibilitem saber com precisão quais campanhas foram mais efetivas. E qual caminho os seus leads percorreram antes de se tornarem clientes, e por fim e não menos importante, quais foram os conteúdos mais interessantes para a persona da sua empresa e quais estratégias devem ou não serem seguidas.


Todas essas informações vêm em forma de dados, que precisam ser analisados e entendidos para poderem ser utilizados como inteligência corporativa. Ou seja, é necessário que um B.I exerça essa função para que dessa forma, as estratégias de marketing possam ser melhoradas.


Vantagens do B.I para as empresas


  • Usar o Business Intelligence para padronizar as métricas


Muitas vezes as métricas consideradas importantes poderão ser diferentes entre os departamentos da empresa, ou até mesmo entre os profissionais de um mesmo departamento. Essa é uma situação que pode haver dor de cabeça para o gestor no momento em que ele precisar ter uma visão geral dos processos da empresa.


E, para piorar o cenário, algumas áreas podem nem ter os dados que ele procura. Porém, após implementar o B.I na empresas, esses problemas terminam. Isso ocorre porque os dados serão alimentados em um sistema integrado. E caso o gestor precise de dados específicos, ele poderá consultá-los com facilidade. E, até mesmo elaborar relatórios customizados, a fim de apresentá-los em reuniões com pautas específicas ou tomar decisões mais seguras.


  • Dados desatualizados ou indisponíveis


As empresas precisam conhecer as tendências de consumo dos seus clientes para que elas sejam bem-sucedidas, afinal, são os clientes que geram a receita do bom negócio. Mas, se os dados das transações de clientes ainda são inseridos em planilhas do Excel. Em vez de serem digitados em um sistema de CRM integrado, fica difícil consultar os números atualizados sempre que precisar.


  • Organização ineficiente de processos


Com o B.I não é só o gestor que tem acesso ao dashboard com os indicadores sobre a performance da empresa. As equipes também poderão acessar os painéis que apresentam em tempo real processos relacionados aos seus. Essa transparência resulta em maior eficiência para as equipes, fortalecendo o vínculo entre as diversas áreas e transformando a empresa em uma máquina completa e funcional.


  • Custos altos e lucros baixos


As  ferramentas de B.I auxiliam na gestão de gastos, apresentando dados como custos com equipamentos, treinamentos, locomoção dos profissionais e salários. Permitindo uma visualização completa da oscilação desses valores no decorrer dos meses. Essas informações, portanto, favorecem uma análise detalhada que viabiliza ao gestor cortar gastos inadequados ou ainda reduzi-los em setores nos quais não haveria um impacto negativo.


Conclusão


Business Intelligence surge como uma alternativa para integrar informações dispersas em vários relatórios, sistemas, planilhas e agilizar o acesso à informação. Informações essas que farão a diferença nas estratégias de marketing da sua empresa.


Fonte: Neoatlas (inteligência para E-commerce) – Editada