Em que posso ajudar?

WhatsApp
Notícias -

ESTAMOS DE OLHO: CONFIRA OS DESTAQUES DA SEMANA NAS CASAS LEGISLATIVAS

Notícias gerais

Câmara aprova feriado nacional para 20 de novembro; Publicada lei que facilita regularização de dívidas com a Receita; Urgência ao PL que proíbe a cobrança de ICMS em transferência de mercadoria do mesmo contribuinte; Política para população em situação de rua segue com urgência ao Plenário do Senado. Confira os destaques das casas legislativas de 24 de novembro a 1º de dezembro. 

Câmara aprova feriado nacional para 20 de novembro, dia da consciência negra

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira (29/11), por 286 votos contra 121, proposta que torna feriado nacional o Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro. 

O Projeto de Lei 3268/21 já foi aprovado pelo Senado e segue agora para sanção presidencial.

A data será chamada Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra. Atualmente, o dia 20 de novembro já é considerado feriado em seis estados brasileiros e cerca de 1.200 cidades.

__

Nova lei facilita regularização de dívidas com a Receita Federal

Entrou em vigor nesta quinta-feira (30/11) a Lei 14.740/23, que permite ao contribuinte realizar a chamada autorregularização incentivada, ou seja, quitar débitos tributários com a Receita Federal com a dispensa de multas.

A nova lei, originária do PL 4287/23, possibilita autorregularizar tributos que não tenham sido constituídos até a data da publicação da lei, inclusive os que estiverem em procedimento de fiscalização. A autorregularização não valerá para as empresas participantes do Simples Nacional.

O contribuinte poderá liquidar os débitos com redução de 100% dos juros de mora, mediante o pagamento: de, no mínimo, 50% do débito à vista; e do restante em até 48 prestações mensais, corrigidas pela taxa Selic mais 1% relativamente ao mês em que o pagamento for efetuado.

O contribuinte poderá utilizar precatórios, prejuízo fiscal e base de cálculo negativa, próprios ou de terceiros, para liquidar a dívida.

__

Deputados aprovam urgência para proibição de cobrança de ICMS em transferência de mercadoria

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou regime de urgência para o Projeto de Lei Complementar 116/23, que proíbe cobrança de ICMS nos casos de transferência de mercadoria entre estabelecimentos do mesmo contribuinte.

A proposta poderá ser incluída na ordem do dia a qualquer momento, mas ainda não há data para a votação.

O texto já foi aprovado pelo Senado e altera a Lei Kandir com o objetivo de regulamentar decisão do Supremo Tribunal Federal sobre ICMS entre estabelecimentos do mesmo contribuinte.

__

Comissão debate portaria que condiciona abertura do comércio em feriados

A comissão de Desenvolvimento Econômico da Câmara dos Deputados realizou audiência pública na quarta-feira (29/11) para debater os efeitos da portaria do governo que retomou a necessidade de convenção coletiva de trabalho para a abertura do comércio em feriados.

A preocupação com a insegurança jurídica e o impacto sobre as vendas natalinas dominaram

O ministério adiou os efeitos da nova portaria (MTE 3.665/23) para março de 2024. Até lá, espera alcançar um acordo com trabalhadores e empresas sobre o tema.

__

Política para população em situação de rua segue com urgência ao Plenário do Senado

O projeto que cria a Política Nacional de Trabalho Digno e Cidadania para População em Situação de Rua (PNTC PopRua) superou mais uma etapa e foi votado na Comissão de Direitos Humanos (CDH) do Senado Federal, na quarta-feira (29/11). O PL 2245/2023 seguiu com urgência para o Plenário.

A PNTC PopRua deve criar mecanismos para garantir a inclusão de jovens, com idade entre 15 e 29 anos, em situação de rua, nos programas de aprendizagem, de qualificação profissional e de inserção segura no mercado de trabalho. 

Além disso, a política deve adotar medidas para incentivar as empresas vencedoras de licitações públicas a priorizar a contratação de aprendizes adolescentes, com idade entre 14 e 18 anos, que estejam em situação de rua.

__

Deputados da ALMG iniciam mobilização pela regularização fundiária urbana

A Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realizou na quarta-feira (29/11), uma audiência pública sobre a importância de promover a regularização fundiária urbana e seus impactos para o desenvolvimento econômico.

A reunião atendeu a um requerimento da deputada Lud Falcão (Pode). Na ocasião, foi lançada a Frente Parlamentar em Defesa da Regularização Fundiária na ALMG.

Para mais informações, entre em contato pelo e-mail: relacoesgovernamentais@cdlbh.com.br

Fonte: Agência Senado, Agência Câmara, Portal ALMG, Portal CMBH

Publicações similares

Notícias gerais
10 de junho de 2024
COMPRAS DE ÚLTIMA HORA DEVEM MARCAR DIA DOS NAMORADOS EM BH

De acordo com pesquisa da CDL/BH, lojas de rua e shopping serão os principais locais onde …

Notícias gerais
10 de junho de 2024
PRESIDENTE DA CDL/BH E DO SEBRAE MINAS RECEBE COMENDA ESPECIAL DO MÉRITO MUNICIPALISTA

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) e do Conselho Deliberativo do …

Notícias gerais
4 de junho de 2024
DIA LIVRE DE IMPOSTOS TERÁ VENDA DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS E DE HIGIENE COM REDUÇÃO DE ATÉ 50% DO VALOR

Além de alguns itens da cesta básica, serão comercializados produtos como vinho argentino, azeite português, carnes, …

Notícias gerais
4 de junho de 2024
MAIS DE MIL LOJAS EM BH VÃO PARTICIPAR DO DIA LIVRE DE IMPOSTOS

Ação contra altas cargas tributárias será realizada em todo o país e terá produtos com valor …