Notícias -

CDL/BH solicita ação do Ministério Público para melhorar segurança em BH

Atuação Social


O presidente da CDL/BH, Bruno Falci, reuniu-se com o Procurador- Geral de Justiça do Estado de Minas Gerais, Dr. Carlos André Mariani Bittencourt, nesta terça-feira, 25 de outubro, para expor sobre a falta de segurança em Belo Horizonte, causando inúmeros prejuízos ao comércio e aos consumidores na Capital, e pedir providências sobre o tema. 


 


Falci salientou que com a recessão instalada no país, os furtos, roubos e assaltos têm crescido numa grande proporção em Belo Horizonte, o que traz insegurança para todos, e em especial para o comércio que é alvo preferido dos bandidos, haja vista ter portas abertas para as ruas. Não bastasse isso, há grande reincidência por parte de alguns bandidos, contra os quais foram abertos inquéritos policias.


 


Esta realidade, segundo Falci, compromete o desempenho das empresas que já estão com queda nas vendas e ainda são assaltadas e furtadas. “Quando levam a mercadoria, levam também o ICMS que já foi pago na entrada ao estabelecimento, por força da substituição tributária”, lembra o presidente.


 


Diante de tais argumentos, Falci solicitou providências ao Ministério Público, como parte integrante do sistema de segurança pública, para mudar esta realidade.